Saiba como plantar maracujá

Publicado em 08/04/2021
Compartilhe 

O maracujá é uma fruta que pode ser plantada na maioria das regiões do Brasil, é produtiva e fácil de plantar. O país é o maior produtor dessa fruta em todo o mundo, e para quem deseja cultivar em casa também tem essa possibilidade.

Esse fruto que é muito consumido por todos, gosta do sol e necessita de cuidados simples e nutrientes fáceis de serem fornecidos. Veja a seguir como plantar o maracujá e aproveitar todos seus benefícios.

Passo a passo de como plantar maracujá

Antes de mais nada, é importante fazer a escolha certa das sementes, por isso a nossa dica é escolher as sementes de maracujá da Horticeres. O fruto de coloração amarela é o mais comum de ser encontrado no Brasil, ocupa 95% das produções em lavouras.

1 – Plante as sementes 

É indicado plantar as sementes em um recipiente pequeno e que será provisório com partes iguais de adubo e terra, uma boa dica é misturar pó de cinzas de madeira para neutralizar a acidez do solo. 

Plante de 4 a 6 sementes com aproximadamente 2 cm de profundidade e umedeça em seguida. Mantenha a planta assim até fazer o transporte para um local definitivo. Lembre-se de nunca deixar o solo com muita água.

2 – Prepare o local de plantio

As sementes demoram de 45 a 70 dias para fazer a germinação, enquanto isso você pode ir preparando um espaço para colocá-la definitivamente, escolha um que tenha constante presença de sol. 

O que você vai precisar para montar o local de plantio: 

  • Monte espaldeira: o maracujá é uma espécie trepadeira, por isso é necessário ter um apoio. Tenha estacas com 2,5 metros de altura, lembrando que 50cm vão ser enterrados no solo, e coloque-as com 5 metros de distância uma da outra para proporcionar apoio a arames no topo dos mourões, que vão segurar as plantas.
  • Revolver o solo: para que possa fazer o plantio comercial, é imprescindível a avaliação do pH do solo para que possa garantir um boa qualidade da colheita, em caso de plantio caseiro não é necessário. Mas lembre-se que revolver a terra é importante em ambos os casos, para arejar e além disso melhorar a permeabilidade do solo.
  • Fazer as covas e adubar: Cada cova deve ter de 40 a 60 centímetros de diâmetro e profundidade e uma distância de 4 a 5 metros entre elas. É nas covas onde deve ser colocado o adubo orgânico misturado a farinha de osso, que é um substrato que deve ficar descansando por 10 dias. Uma dica é marcar os locais da cova para saber onde plantar depois, pode ser feito com fitilho ligando o chão ao arame no alto do mourão, que já servirá de guia para a planta.

3 – Transfira as plantas 

Quando as mudas atingirem de 15 a 30 centímetros, você já pode transferi-las, uma dica é eliminar as plantas que não se desenvolveram muito bem.Irrigue o local de plantação  depois faça um buraco na cova de adubo do tamanho do torrão de terra do recipiente original e pante-o. Em torno das plantas você pode colocar palha, aparas de grama ou folhas secas para proteger as mudas do ressecamento e reter a umidade.

4 – Pode e polinize

Para ter melhor produtividade é aconselhado que conforme as plantas foram crescendo é necessário podá-las, quando ela estiver chegando ao tamanho do mourão é hora de fazer o primeiro corte para que elas possam se ramificar para as laterais. E quando ultrapassarem os limites do caramanchão, a dica é cortar para auxiliar na formação de cortinas de plantas, assim as folhas ficarão melhores distribuídas deixando o sol atingir todas as frutas.

Junto com todo esse processo é importante fazer também a polinização, pois não é todo inseto que consegue fazer isso, uma vez que o pólen do maracujá é pesado e pegajoso, a abelha mamangava é o único inseto que consegue fazer esse trabalho, mas apenas ela não dá conta de fazer esse trabalho.

Por isso é importante a intervenção humana, e para este trabalho é preciso tocar levemente com a ponta do dedo nas flores das plantas e ir repetindo esse processo para levar o pólen a todas as que estão abertas.

5 – Colheita

De 6 a 9 meses após o plantio de maracujá estará pronto para a colheita, e quando isso acontecer eles começarão cair no chão e então é hora de passar entre as fileiras e pegar as frutas que já estiverem no chão ou que estão enroscados nas ramas da planta. 

Cuidados contra pragas do maracujá

As lagartas são o problema que o produtor vai ter na fase inicial, mas é fácil solucionar este problema, é só colocar uma cebola ou uma cebolinha perto e também ramos com folhas de cravo-de-defunto. 

Claro que além dos cuidados com as pragas tem que observar a nutrição das plantas e também o local onde elas foram plantadas. Capinar frequentemente, mas com cuidado para não prejudicar as raízes é importante para permitir um desenvolvimento bom.

A Horticeres Sementes

A Horticeres Sementes é uma empresa 100% nacional que desde 1967 transmite confiança de geração em geração através de sementes de elevada qualidade. Acompanhe nosso Instagram e Facebook para mais dicas que vão garantir os resultados eficientes em sua plantação.

    Nos siga nas redes sociais