O que é degradação do solo?

Publicado em 01/06/2021
Compartilhe 

A degradação do solo, normalmente é uma consequência dos processos naturais ou das atividades humanas, e é causada pelo mau uso e má conservação do solo, isso pode gerar a perda da produtividade, além de causar impactos socioambientais.

Quando não se tem uma plantação planejada e sustentável o solo pode se manifestar com um desequilíbrio nutricional, queda da atividade biológica, compactação e pulverização, perda da estrutura, acidificação, salinização, diminuição dos níveis de matéria orgânica e da permeabilidade, entre outros. Com isso o local de plantio se torna empobrecido e as plantas não conseguem se desenvolver.

Causas da degradação do solo

Essas causas estão relacionadas ao desmatamento, as queimadas e as ações do homem. A vegetação é essencial para a circulação de nutrientes e proteção do solo, consequentemente quando não se tem plantação no local a terra fica desprotegida e corre mais risco de uma degradação.

Mas nem sempre o homem é o causador deste problema, muitas coisas devem ser levadas em conta como o clima, por exemplo. Veja os principais fatores que levam a degradação do solo:

  • Erosão

A erosão é um desgaste natural, mas que pode piorar com as práticas humanas, este processo consiste no desgaste do solo devido às chuvas, sol e vento, a destruição da vegetação natural tira a proteção do solo e gera um desgaste da superfície. Isso pode causar o aumento da lixiviação e assoreamento, além disso em encostas e morros podem ocorrer deslizamentos.

  • Salinização

Esse fenômeno também ocorre de forma natural, mas pode ser intensificada pelo uso incorreto dos métodos na agricultura, por exemplo a má irrigação. A salinização é o acúmulo dos sais minerais no solo e esse problema ocorre quando a evaporação da água é muito alta, normalmente acontece em regiões com clima árido e semiárido. Em contrapartida, a falta de chuva causa a dessalinização do solo.

  • Desertificação

A desertificação é a degradação e o esgotamento do solo e é um grande causador na mudança da paisagem, também ocorre em locais de clima árido e semiárido, já que são lugares com pouca pluviosidade e com isso a evaporação é maior do que a infiltração. Suas causas são naturais, mas está associado ao ser humano  e a principal ocorrência é devido ao desmatamento, a mineração, a irrigação incorreta e o uso intensivo da agropecuária. 

  • Compactação

Esse é um fenômeno causado pelo aumento da densidade do solo e isso é consequência  da redução da sua porosidade e da permeabilidade, causada pelo grande atrito da superfície ou pela pressão contínua que ela recebe, isso acontece devido ao pisoteio do gado, o tráfego de máquinas agrícolas e o manejo do solo em condições inadequadas de umidade. Com isso a plantação passa por alterações físicas e químicas e afeta o crescimento e o desenvolvimentos das plantas, além disso afeta a movimentação da água que gera menor número de troca gasosa, pouco deslocamento de nutrientes e baixa taxa de infiltração.

  • Degradação química

A degradação química é um dos principais problemas de hoje em dia, na plantação este fenômeno gera a improdutividade e infertilidade do solo e a provável perda da fauna local. As principais causas desta contaminação são o uso indiscriminado de defensivos agrícolas, o descarte incorreto de resíduos industriais, os lixões não fiscalizados e os desmatamentos. Além disso, este é um processo que afeta o lençol freático e a vegetação local, o que prejudica o funcionamento e as interações de todo o ecossistema.

Como evitar a degradação do solo

O solo é determinante na hora da plantação, quando não se tem um local saudável o plantio se torna algo difícil e com tantos fatores que causam a degradação do solo é necessário evitar que isso aconteça.

Para ter um campo produtivo e com qualidade veja algumas dicas de como fazer a preservação:

  • Plantio correto

Para um plantio correto é necessário fazer um bom manejo com insumos de qualidade e a distribuição correta, utilizar boas sementes, plantar na época correta e ter um bom sistema de irrigação.

 

O ideal para proteger o solo seria cobrir o terreno que não está sendo plantado e entre as plantas para evitar exposição. Essa cobertura pode ser feita através da técnica de plantio direto, onde se mantém uma cobertura morta com o mínimo de revolvimento da terra evitando assim a desertificação do solo.

  • Reflorestamento da área

Em locais onde houve um desmatamento o ideal é plantar novas árvores ou em outras plantações para que sejam benéficas ao solo em meio a decomposição. Esse processo traz benefícios já que protegem as beiras de rios, filtram os sedimentos, aumentam a porosidade do solo, elevam a taxa de nutrientes disponíveis, reduzem o escoamento superficial, permitem o refúgio da fauna, entre outros.

  • Manejo adequado

Esta é uma ação muito barata para o produtor, mas quando feito de maneira errada causa a degradação da pastagem. Algumas opções para o manejo são a adubação, a manutenção da matéria orgânica, o sombreamento e o planejamento adequado. É essencial que a adubação seja feita todo ano para que os nutrientes sejam repostos e não tenha queda na produtividade.

  • Rotação de cultura

Uma boa dica é fazer a rotação das culturas, alterando todo ano as espécies das plantações no local, mas para isso é necessário escolher raízes com necessidades nutricionais distintas. Com essa rotação você evita a degradação do solo além de melhorar as características químicas, físicas e biológicas da superfície, ajuda no controle de doenças e pragas, diversifica a produção, repõe a matéria orgânica, protege o terreno da ação do intemperismo, entre outros benefícios.

 

Para se ter um solo com qualidade é necessário entender as causas da degradação e evitá-las. Por isso tem que ter um planejamento e cuidados para que o uso do solo seja feito de forma racional, e lembrando que o se tem alguns fatores para levar em conta como o tipo do solo, a vegetação e o clima.

A Horticeres Sementes

A Horticeres Sementes é uma empresa 100% nacional que desde 1967 transmite confiança de geração em geração através de sementes de elevada qualidade. Acompanhe nosso Instagram e Facebook para mais dicas que vão garantir os resultados eficientes em sua plantação.  

    Nos siga nas redes sociais